Financeira

São instituições financeiras privadas constituídas sob a forma de sociedade anônima e na sua denominação social deve constar a expressão “Crédito, Financiamento e Investimento” e que têm como objetivo a realização de financiamento para a aquisição de bens, serviços e capital de giro. Não podem manter contas correntes e os seus instrumentos de captação restringem-se às letras de câmbio (Resolução CMN 45, de 1966), que são títulos de crédito sacados pelos financiados e aceitos pelas financeiras para colocação junto ao público. As sociedades financeiras podem ser Independentes, ligadas a conglomerados financeiros; Ligadas a grandes estabelecimentos comerciais ou Ligadas a grandes grupos industriais.

Mais lidas